CAPTAÇÃO DE RECURSOS – AS MUDANÇAS NA ELABORAÇÃO, PLANEJAMENTO E GESTÃO DE CAPTAÇÃO PARA PROJETOS CULTURAIS NO NOVO CENÁRIO BRASILEIRO

Início / Categoria Acontece / Agenda / CAPTAÇÃO DE RECURSOS – AS MUDANÇAS NA ELABORAÇÃO, PLANEJAMENTO E GESTÃO DE CAPTAÇÃO PARA PROJETOS CULTURAIS NO NOVO CENÁRIO BRASILEIRO

CAPTAÇÃO DE RECURSOS – AS MUDANÇAS NA ELABORAÇÃO, PLANEJAMENTO E GESTÃO DE CAPTAÇÃO PARA PROJETOS CULTURAIS NO NOVO CENÁRIO BRASILEIRO

Palestrante: Alexandre Vargas

Captação de Recursos
As mudanças na elaboração, planejamento e gestão de captação para projetos culturais no novo cenário brasileiro

O Curso objetiva orientar o desenvolvimento de estratégias, programas, projetos e ações que garantam a elaboração, o planejamento e a gestão de captação de recursos para projetos culturais no complexo sistema de cultura no Brasil e nas perspectivas de mudanças do setor.
Os encontros oferecem dicas práticas para serem aplicadas na captação de recursos, buscando a sustentabilidade e o bom desempenho de produtores e gestores que atuam na área.

Público-alvo: produtores, gestores, artistas, alunos de produção artística em geral

12 e 19 de janeiro
Horário: 9h às 12h e das 13h30 às 18h
Duração: 15 horas

 

Investimento: R$400,00

Inscrições e programa completo aqui

ALEXANDRE VARGAS, consultor na área cultural e de patrocínios em empresas e centros culturais. Empreendedor cultural, pesquisador e curador de artes cênicas. Por mais de 27 anos desenvolve uma intensa atividade relacionada às artes cênicas, especialmente no teatro, como criador, intérprete, diretor e gestor cultural. Criador e diretor artístico do Festival Internacional de Teatro de Rua de Porto Alegre, colaborador em comissões de seleção e curadorias independentes para outros festivais no Brasil. Idealizador e coordenador da 1a. Bienal de Dramaturgia Qorpo Santo e é diretor do Centro de Pesquisa Teatral do Ator (CPTA). É representante da La Red de Promotores Culturais da América Latina e Caribe no Rio Grande do Sul e integrante da Rede Brasileira de Festivais de Teatro, na qual é um dos articuladores do SIFTB – Sistema de Indicadores dos Festivais de Teatro do Brasil. É diretor do INTERCENA – Programa de Internacionalização das Artes Cênicas do Estado do Rio Grande do Sul.

Tradução
[google-translator]
Entre em contato

Não está legível? Troque o texto. captcha txt

Digite e pressione "Enter" para realizar sua busca